Tamanho do texto

GENEBRA - O BNDES manterá seus planos de financiamento para investimentos em infra-estrutura para a realização da Copa do Mundo de futebol no Brasil em 2014, segundo o vice-presidente do banco de fomento, Armando Mariante. A Fifa quer ter em mãos até fevereiro os primeiros planos de investimentos na Copa no país. Ela vai ter (os planos), disse Mariante.

"Estamos conversando com ministérios, tem muito investimento bom para ser feito, investimento que vai durar muito mais que a Copa", comentou.

Os investimentos serão feitos em estradas, transporte coletivo, estádios, segurança e até em tecnologia da informação, disse Mariante. " ? São as externalidades de uma Copa do mundo."
"Essa crise até 2014 terá mais que acabado", acrescentou, afastando risco de atraso nos projetos.

Analistas estimam que a Copa de 2014 obrigará o Brasil a fazer investimento de US$ 5 bilhões pelo menos.

Na Coréia do Sul e Japão, foram investidos US$ 13 bilhões para a realização do mundial de 2002. A Alemanha investiu US$ 9 bilhões em 2006 e estão previstos US$ 2 bilhões de investimentos para a Copa da África do Sul, em 2010.

(Assis Moreira | Valor Econômico para Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.