Tamanho do texto

A economia da Finlândia, até agora a salvo da crise internacional, entrará em recessão em 2009 com uma contração de 0,5% do Produto Interno Bruto (PIB) ao longo de todo ano, segundo as previsões do Banco Central do país.

"As empresas enfrentam uma redução de pedidos, e alguns pedidos foram cancelados", explica o BC em um comunicado, no qual acrescenta que "várias empresas demitiram funcionários".

A instituição prevê a recuperação da economia até meados de 2010.

A Finlândia tem resistido até agora à crise financeira mundial. No terceiro trimestre, o PIB registrou um leve crescimento de 0,1%.

Em setembro, antes do agravamento da crise econômica internacional, o BC ainda apostava em um crescimento do PIB de 2,3% em 2009.

tk/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.