Tamanho do texto

Medida complementará a redução nas taxas para empréstimos a micro, pequenas e médias empresas aguardada para esta semana

Enquanto prepara um anúncio oficial nesta semana com um pacote com novas alíquotas para os juros sobre capital de giro para micros, pequenas e médias empresas, o Banco do Brasil estuda uma redução nas taxas para empréstimos a pessoas físicas.

A investida para o repasse de linhas de financiamento para o consumidor será parte da investida do Ministério da Fazenda para acompanhar a queda na taxa básica de juros (Selic), rebaixada para 9,75% pelo Banco Central.

Leia também: BB e Caixa terão mais capital de giro para pequenas empresas

O primeiro passo, contudo, será o corte nos juros para empresas, conforme antecipou o iG Economia , como parte das medidas de incentivos ao setor privado desenhadas pela Fazenda, que também estuda aumentar os recursos para capital de giro.

Em 2011, o Banco do Brasil assumiu pela primeira vez a liderança nos desembolsos para micros, pequenas e médias empresas cedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Foram R$ 10,5 bilhões em repasses para o grupo de companhia responsáveis por cerca de 20% do PIB. O volume 36,4% maior que o valor verificado em 2010, o que rendeu ao BB a participação de 21,5% na modalidade no setor bancário brasileiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.