Tamanho do texto

Capital paranaense é a principal origem de turistas que visitam a cidade. Argentinos aparecem logo atrás

Balneário Camboriú se tornou para os curitibanos ao longo da última década uma versão sulista do que o Guarujá é para os paulistanos – guardadas as devidas proporções. Muitos moradores da capital paranaense adotaram a cidade como principal destino praiano e carregam o tráfego na BR-101 na volta dos finais de semana, no verão. Os curitibanos têm até um apelido para Balneário Camboriú, “Becê”, em referência as primeiras letras das palavras que formam o nome da cidade.

Leia também: Ex-reis do X-salada constroem os maiores prédios do Brasil

A preferência é comprovada por pesquisas que traçam o perfil dos turistas feitas pela prefeitura de Balneário Camboriú. Ao longo de 2011, as três cidades que mais enviaram turistas para Balneário Camboriú foram Curitiba (5,57%). Buenos Aires (4,25%) e Córdoba (3,47%), estas duas últimas argentinas.

Cidade oferece opções de casas noturnas para todos os gostos, do sertanejo universitário à música eletrônica.
Divulgação
Cidade oferece opções de casas noturnas para todos os gostos, do sertanejo universitário à música eletrônica.
É uma porcentagem pequena, mas de um número alto. Balneário Camboriú tem pouco mais de 100 mil habitantes ao longo do ano, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mas durante a temporada de verão chega a superar um milhão – 58% são mulheres e 42% homens, segundo levantamento da Prefeitura.

Leia mais: Balneário Camboriú planeja ampliar faixa de areia até 2013

Se levado em conta o estado de origem dos turistas, os paranaenses também aparecem em destaque, logo atrás dos catarinenses (29%). Têm 24,8% de participação. Cidades como Cascavel, por exemplo, respondem sozinhas por 1,6% dos visitantes da cidade. “Metade dos meus clientes são VIP. Vindos do Interior do Paraná”, costuma dizer Rogério Rosa, dono da Embraed, uma das principais construtoras de Balneário Camboriú.

Entre os motivos que ajudam a explicar a preferência dos paranaenses por Balneários Camboriú está o fato de que o litoral do Paraná oferecer menos opções de praias com a mesma infraestrutura e vida noturna agitada de Balneário Camboriú e de seu entorno. Na vizinha Camboriú, por exemplo, funciona a Green-Valley, um dos principais clubes de música eletrônica do mundo, segundo revistas especializadas no assunto. Há também muitos restaurantes e opções de casas noturnas que promovem shows de bandas de rock, de sertanejo universitário e outros ritmos populares ao longo do ano.

Por fim, na última década, o acesso foi facilitado pela conclusão das obras de duplicação da BR-101 entre Santa Catarina e o Paraná, e pela ampliação do número de voos com origem em grandes centros para Navegantes, onde fica o aeroporto mais próximo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.