Tamanho do texto

Bolsa de Tóquio registrou fechou em queda de 1,8%; ações da Sharp recuaram 5,8% após divulgação de resultados

As bolsas asiáticas encerraram o último pregão da semana em campo negativo, puxadas pelos resultados das companhias da região, que decepcionaram o mercado. O desempenho aquém do esperado coloca em dúvida as projeções para os próximos meses.

Com o tombo de 5,8% nas ações da Sharp, o índice Nikkei 225, da bolsa de Tóquio, caiu 1,8%, voltando aos 9.202,45 pontos. A fabricante de eletrônicos reduziu suas previsões para o ano em 40% diante do fortalecimento do iene frente ao dólar. Já os papéis da Nintendo registraram 2,07% de desvalorização após a fabricante de games anunciar prejuízo de 2 bilhões de ienes de abril a setembro.

As ações do setor de eletrônicos também impactaram os negócios em Seul, onde o índice Kospi recuou 1,31%, para 1.882,95 pontos. Os papéis da Samsung perderam 2,49%, apesar de a empresa ter reportado aumento de 17% nos lucros do terceiro trimestre em relação ao mesmo período de 2009.

A companhia, entretanto, alertou o mercado para expectativa de resultados mais modestos nos últimos meses do ano devido à queda nos preços de chips de memória e ao fortalecimento do won frente ao dólar.

O mercado também reagiu negativamente ao balanço da LG Eletronics, que viu seu lucro líquido despencar 99% no terceiro trimestre. As ações da empresa recuaram 2,84% neste pregão.

Acompanhando o movimento, a bolsa de Hong Kong caiu 0,49%, com o índice Hang Seng marcando 23.096,30 pontos, enquanto em Xangai, o Shanghai Composite perdeu 0,46%, aos 2.978,83 pontos. Na bolsa de Taipe, o Taiwan Taiex recuou 0,80%, para 8.287,09 pontos e, em Sydney, o S&P/ASX 200 caiu 0,50%, aos 4.661,60 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.