Tamanho do texto

Atividade de serviços britânica tem mínima em 16 meses

LONDRES, 3 de setembro (Reuters) - A atividade do setor de serviços da Grã-Bretanha cresceu em agosto no menor ritmo desde abril de 2009, com uma acentuada queda nas contratações em meio às preocupações, por parte dos empregadores, sobre a desaceleração econômica e os cortes nos gastos do governo.

O índice Markit/CIPS caiu para 51,3 em agosto, comparado a 53,1 em julho e à previsão de analistas consultados pela Reuters de 52,9.

Apesar da queda, o número segue acima da linha de 50, o que indica expansão.

O componente de emprego declinou para 46,9 em agosto, contra 49,7 em julho, atingindo mínima em 10 meses.

O componente de novos negócios foi o menor desde junho do ano passado.

(Por David Milliken)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.