Tamanho do texto

Ata do Comitê de Política Monetária (Copom) centra a atenção dos investidores nesta quinta-feira

A ata do Comitê de Política Monetária (Copom) centra a atenção dos investidores nesta quinta-feira. O documento detalha a visão do colegiado do Banco Central (BC), que optou por nova elevação da Selic na semana passada.

Os agentes vão em busca de pistas sobre a possibilidade de novas elevações. Para parte do mercado, um novo aperto em julho está praticamente contratado, pois, no comunicado pós-decisão, o BC usou o termo "suficientemente prolongado" quando falou do ajuste das condições monetárias. Outros agentes, no entanto, não acham que isso seja garantia de alta.

Também na agenda local, a Fundação Getulio Vargas (FGV) traz sua leitura para o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S).

Nos Estados Unidos, sai a demanda semanal por pedidos de seguro-desemprego, a construção de novas moradias em maio e a pesquisa de atividade do Federal Reserve (Fed) da Filadélfia.

Na zona do euro, merece atenção ao índice de preços ao consumidor de maio. Está prevista elevação de 0,2%, contra variação de 0,6%. A semana acaba com o IPC da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e o Índice Geral de Preços - 10 (IGP-10) de maio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.