Tamanho do texto

SÃO PAULO - O leilão de Energia Nova do governo federal, marcado para esta manhã, está suspenso temporariamente devido a uma ameaça de bomba. O prédio da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), de onde será coordenado o leilão, foi esvaziado.

Nos leilões de energia nova, as empresas compram o direito de construir uma usina, termelétrica, hidrelétrica ou eólica, com base em um preço de energia pré-estabelecido. Ganha o leilão quem se dispuser a vender energia mais barata no futuro.

(Josette Goulart | Valor Econômico para o Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.