Tamanho do texto

SÃO PAULO - Com o mercado de aviação ainda sob dificuldades, a companhia aérea alemã Air Berlin anunciou hoje que decidiu reduzir os pedidos de aeronaves à Boeing, além de retardar outras entregas. Para a Air Berlin, o acordo significa uma forte redução de suas obrigações financeiras, diante de um menor e mais distribuído portfólio de investimentos, afirmou em nota o executivo financeiro da empresa, Ulf Huettmeyer. A companhia acordou com a Boeing a redução dos pedidos de aviões 787, de 25 para 15. A diminuição soma US$ 1,7 bilhão, em termos dos preços atuais.

A empresa também reduziu sua opção de dez aeronaves 787 adicionais, para cinco.

A Air Berlin informou ainda que optou pelo atraso da entrega de nove aeronaves Boeing 737, que estava planejada para 2010 ou 2011, e agora será realizada em 2015.

A fraca demanda do mercado estimulou o acordo entre as empresas. No ano passado, a Air Berlin transportou 27,9 milhões de passageiros, o que representou uma queda de 3,9% na comparação com o mesmo período do ano anterior,
(Vanessa Dezem | Valor com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.