Tamanho do texto

SÃO PAULO - A AIG identificou os bancos que receberam da seguradora os recursos do socorro federal no ano passado. A empresa disse reconhecer a importância de manter um alto grau de transparência com relação ao dinheiro do resgate financeiro.

Avisou que pagou cerca de US$ 100 bilhões das verbas da ajuda federal a Estados americanos e bancos internacionais, incluindo o Goldman Sachs, Deutsche Bank e Société Générale.

O dinheiro foi usado para cobrir os pagamentos de colaterais, cancelar contratos de derivativos e atender a obrigações de sua atividade de empréstimo de títulos depois de a AIG ter de ser socorrida no calendário passado. A seguradora recebeu do governo US$ 170 bilhões.

A empresa do setor de seguros argumentava que apresentar a identidade dos beneficiários dos recursos poderia afetar suas relações de negócios ou a competitividade, mas passou a ser pressionada por congressistas americanos para divulgar os detalhes sob a justificativa de que os contribuintes têm o direito de saber como a ajuda federal está sendo usada.

A AIG está no centro de uma polêmica por causa de seu plano de pagar bônus e compensações milionárias a funcionários.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.