Tamanho do texto

SÃO PAULO - A Anheuser-Busch InBev (AB Inbev) anunciou hoje sua intenção de abrir um escritório funcional em Nova York, com vistas a melhor atender as necessidades da organização. O escritório terá como principal foco dar o suporte necessário à implementação da estratégia da companhia, cuja direção global seguirá instalada na sua sede em Leuven, na Bélgica.

De acordo com a empresa, o estabelecimento em Nova York permitirá uma melhor realização da estratégia de alavancar ainda mais seu portfólio de marcas, além de um acompanhamento diário dos negócios. A companhia destaca que 40% da receita global agora vêm dos Estados Unidos.

A decisão afetará potencialmente 89 empregados locais da empresa que trabalham na administração central, além de expatriados que atuam na área. A AB Inbev diz, no entanto, que ao longo do período de transição espera encontrar alternativas internas para esses funcionários, tanto na divisão de Europa Ocidental, bem como na operação local da Bélgica, que ficam em Leuven. Outros poderão ser aproveitados na própria administração central ou em Nova York.

Em nota, a AB Inbev informou ainda que o novo endereço irá abrigar líderes de gestão da companhia, bem como membros de suas equipes de marketing, finanças, pessoal, abastecimento e jurídico. A empresa destacou, no entanto, que o CEO e o CFO continuarão na Bélgica.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.