Tamanho do texto

Negociação faz parte do plano de desinvestimento da estatal que prevê arrecadar US$ 15,1 bilhões até o final deste ano. Com a nova venda, Petrobras arrecadou US$ 5,194 bilhões

Petrobras dá sequência ao plano de desinvestimento e vende 90% de sua participação da Nova Transportadora
Tânia Rêgo/Agência Brasil
Petrobras dá sequência ao plano de desinvestimento e vende 90% de sua participação da Nova Transportadora

Agência Brasil

A Petrobras aprovou na quarta-feira (30) a venda de 90% da participação acionária que detinha na companhia Nova Transportadora do Sudeste (NTS). A transação envolveu montante de US$ 5,194 bilhões quem adquiriu a participação foi a Nova Infraestrutura Fundo de Investimento em Participações, que é gerido pela Brookfield Brasil Asset Management Investimentos Ltda.

+ Petrobras vende a Liquigás por R$ 2,8 bilhões para Ultragaz

De acordo com a estatal Petrobras , a negociação faz parte do seu plano de desinvestimentos definido em US$ 15,1 bilhões para o biênio 2015-2016. A decisão ainda está sujeita ao cumprimento das condições precedentes previstas no contrato. Anteriormente a estatal havia reafirmado o seu compromisso de cumprir com o plano até o final deste ano. 

Decisão

Durante a Assembleia Geral Extraordinária de Acionistas foi aprovado também o nome de Marcelo Mesquita de Siqueira Filho como membro do Conselho de Administração, sendo ele eleito pelos acionistas minoritários detentores de ações ordinárias.

Ainda na assembleia realizada na quarta-feira (30) pela estatal foram aprovadas as propostas de mudanças no Estatuto Social, para  que a Petrobras, aprimore as práticas e estruturas de governança corporativa das empresas controladas pela administração pública.

+ Petrobras deixará setores de biocombustíveis, petroquímica e fertilizantes

O objetivo, segundo a Petrobras, é manter-se conforme as novas exigências da Lei 13.303, que dispõe sobre o estatuto jurídico das empresas públicas e sociedades de economia mista, sancionada em 30 de junho de 2016. As mudanças respeitam o enquadramento da companhia nas exigências do Programa Destaque em Governança de Estatais da BM&F Bovespa.

Desenvestimento

No dia 17 de novembro a Petrobras informou ao mercado a venda da da Liquigás Distribuidora S.A. para a companhia Ultragaz S.A., subsidiária da Ultrapar Participações S.A. Em nota a estatal afirmou que o valor estimado na transação foi de R$ 2,8 bilhões, mas só será definido após correção pelo Certificado de Depósito Interbancário (CDI). O valor poderá ter alteração entre as datas de assinatura e de fechamento da operação.

Para o processo competitivo foram 46 empresas identificadas no Brasil e no exterior que teriam potencial interesse no segmento para a aquisição. Todas assinaram um acordo de confidencialidade e puderam acessar os dados gerais da empresa.

+ Petrobras abrirá PDV para reduzir número de  funcionários de empresas à venda

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.