Tamanho do texto

Você sabia que a autora J.K. Rowling recebia assistência do governo na época em que começou a escrever Harry Potter? Conheça esta e outras histórias

Ser rejeitado é devastador. No entanto, como provam algumas das pesonalidades mais bem sucedidas do mundo, fracasso faz parte do caminho que tomamos rumo ao sucesso. Coragem, perseverança, resiliência... muitas pessoas influentes mostram que o segredo do sucesso é a habilidade de abraçar o fracasso e se adaptar às mudanças com confiança.

+ Empreendedorismo: 12 passos difíceis, mas necessários para alcançar o sucesso

O site Business Insider fez uma lista com personalidades que tiveram que superar grandes fracassos antes de conquistarem fama e fortuna. Veja algumas delas.

1. J.K. Rowling

A autora de Harry Potter era mãe solteira e recebia assistência do governo quando começou a escrever a hitória do bruxinho mais famoso do mundo.

Antes de saga Harry Potter vender mais de 450 milhões de cópias, ganhar inúmeros prêmios, ir parar nas telas do cinema e tranformar a vida de sua criadora, J.K.Rowling vivia em um apartamento minúsculo com sua filha pequena, não trabalhava e não tinha um centavo. Na época, ela achava que era a pessoa mais fracassada do mundo.

JK Rowling recebia assistência financeira do governo quando começou a escrever Harry Potter
Twitter/Reprodução
JK Rowling recebia assistência financeira do governo quando começou a escrever Harry Potter

Harry Potter foi rejeitado por dezenas de editoras. Ela lembra até hoje que fixou na parede da cozinha a primeira carta de rejeição que recebeu e pensou: "Não vou desistir até que todos as editoras recusem meu livro".

A editora londrina Bloomsburry finalmente deu o sinal verde para a publicação de Harry Potter em 1997, e Rowling se tornou uma das maiores escritoras do mundo.

2. Walt Disney

Walt Disney foi demitido do jornal Kansas City Star porque seu editor achava que ele não tinha imaginação, nem boas ideias. Anos depois, o americano comprou o estúdio de animação Laugh-O-Gram, mas acabou falindo. Foi então que Disney decidiu se arriscar em algo mais lucrativo: Hollywood. Ele e seu irmão mudaram-se para a Califórnia e abriram o Disney Brother's Studio, onde criaram Mickey Mouse e Disnelyland. Suas criações lhe renderam 22 Oscars.

3. Oprah Winfrey

Oprah Winfrey foi demitida de seu primeiro emprego na TV como âncora em Baltimore por se se envolver emocionalmente em suas histórias. De acordo com o produtor de TV que trabalhava com Oprah, ela não servia para apresentar telejoranais. Como forma de consolá-la, ele ofereceu à americana um emprego no programa de TV diurno "People Are Talking". Winfrey permaneceu no programa por oito anos, e a atração se tornou um sucesso. Mais tarde, Oprah tornou-se apresentadora do "The Oprah Winfrey Show", que foi exibido por 25 temporadas. Hoje ela tem uma das maiores fortunas dos Estados Unidos.

4. Steven Spielberg

O grande cineasta foi rejeitado pela University of Southern California School of Cinematic Arts muitas vezes. Ainda assim, não desistiu de perseguir seu sonho. Ele criou seu primeiro blockbuster "Tubarão" em 1975, ganhou 3 Oscars, 4 Emmys e 7 Daytime Emmys. Seus 27 filmes arrecadaram mais de US$ 9 bilhões.

5. Isaac Newton

A mãe de Isaac Newton o tirou da escola quando ainda era um garoto para que ele pudesse gerir a fazenda da família. Como é possível imaginar, ele fracassou completamente. Percebendo que Newton não tinha tato para trabalhar com a terra, sua mãe o deixou terminar os estudos e acabou convencendo-o a entrar na Universidade de Cambridge. O resto da história a gente já conhece: Newton se tornou um dos maiores cientistas de todos os tempos, revolucionando a física e a matemática.

6. Thomas Edison

Um dos professores de Thomas Edison disse certa vez que ele era estúpido demais para aprender alguma coisa.  Anos se passaram, e Edison passou a trabalhar no escritório da Associated Press durante o turno da noite para dedicar mais tempo às suas investigações e invenções. Uma noite, quando fazia experiências com baterias, Edison deixou cair ácido sulfúrico no chão, que escorreu pelo chão e espirrou na mesa do chefe.

Ele foi demitido na manhã seguinte, mas decidiu se dedicar às suas pesquisas em tempo integral. Ele levou dois anos para receber sua primeira patente pelo gravador de voz elétrico. Depois disso, Edison registrou mais de 1 mil patentes e inventou alguns dos aparelhos que revolucionaram a forma como vivemos, como o fonógrafo, a lâmpada elétrica e a câmera cinematográfica.

7. Sidney Poitier

Quando Sidney Poitier fez seu primeiro teste no American Negro Theatre, errou as falas e nas que acertou empregou um forte sotaque caribenho. O diretor ficou furioso, disse que o ator estava perdendo tempo e o aconselhou a procurar um trabalho como lavador de louças.

Poitier não desistiu até se tornar um fênomeno em Hollywood. Ele ganhou o Oscar de Melhor Ator, pelo filme Uma Voz nas Sombras em 1963, e ajudou a quebrar a barreira que dificultava a presença de americanos negros na indústria cinematográfica americana.

8. Albert Einstein

Albert Einstein enfrentava dificuldades para se comunicar
Reprodução
Albert Einstein enfrentava dificuldades para se comunicar

Einstein tinha dificuldade em se comunicar e aprender com métodos de ensino tradicionais. Como sabemos hoje, os problemas de comunicação e aprendizado de Einstein nada tinham a ver com falta de inteligência. Ele ganhou o Nobel de Física pela descoberta do efeito fotoelétrico, e sua teoria da relatividade corrigiu deficiências da física newtoniana.

9. Fred Astaire

Em um dos testes de vídeo de Fred Astaire, um executivo escreveu: "Não canta. Não atua. Ligeiramente careca. Dança um pouco." Anos mais tarde, Astaire tornou-se uma estrela em Hollywood e uma lenda da Broadway.

10. Charles Darwin

Charles Darwin era considerado um estudante mediano. Após desistir da carreira em medicina para ser pastor, Darwin descobriu a verdadeira vocação e decidiu viajar pelo mundo para desvendar os mistérios da natureza. Suas obras, especialmente "Origem das Espécies", mudou o mundo da ciência, ao lançar a descoberta da evolução das espécies.

11. Vicent Van Gogh

Van Gogh vendeu apenas um quadro, "The Red Vineyard", durante sua vida. A venda foi realizada apenas alguns meses antes de sua morte. Se ele tivesse desistido da sua carreira artística por causa de seus problemas financeiros e emocionais, o mundo da arte não teria conhecido centenas de pinturas de um dos maiores pintores de todos os tempos.

13. Harrison Ford

Um executivo da indústria cinematográfica disse a Harrison Ford que ele jamais faria sucesso como ator
Reprodução
Um executivo da indústria cinematográfica disse a Harrison Ford que ele jamais faria sucesso como ator

Depois que Harrison Ford atuou em seu primeiro filme, um executivo o chamou até o escritório e lhe disse que ele jamais faria sucesso no cinema. Bem, a carreira de Ford já dura seis décadas, e dela fazem parte sucessos de bilheteria como Star Wars e Indiana Jones.

14. Henry Ford

O joven Henry Ford arruinou sua reputação com uma sucessão de negócios mal sucedidos na indústria automobilística. Entretanto, após uma longa pesquisa, finalmente encontrou um parceiro que confiava nele. Ford provou que havia aprendido com seus erros e fundou a Ford Motor Company, que mudou para sempre a indústria automotiva com seu novo modelo de linha de montagem.

15. Stephen King

Stephen King ficou tão frustrado com sua tentativa de escrever "Carrie" que jogou todo o rascunho da obra no lixo. Sua mulher, Tabitha, encontrou o manuscrito no cesto de lixo e o resgatou. Carrie se tornou um enorme sucesso e lançou a carreira de King. Suas obras venderam cerca de 350 milhões de cópias.

16. Lady Gaga

Lady Gaga foi demitida por uma grande gravadora antes de se tornar um ícone pop
Reprodução
Lady Gaga foi demitida por uma grande gravadora antes de se tornar um ícone pop

Lady Gaga foi demitida pela sua gravadora, Island Def Jam, apenas três meses após o contrato. Depois de receber a notícia, chorou tanto, mais tanto, que não podia nem falar. Hoje, Stefani Germanotta é um ícone pop, ganhadora de 6 prêmios Grammy e de um prêmio Songwriters Hall of Fame. Ela é presenca constante nas listas de Artisitas do Ano elaborada pela revista Billboard e uma das maiores ativistas que advogam pelos direitos dos homossexuais e pela prevenção da AIDS.

17. Ang Lee

Ang Lee não passou no vestibular para entrar na faculdade em Taiwan duas vezes. Então, ele foi a escola de teatro, mas descobriu que seu inglês não era bom sufiente para atuar. Aparantemente, nada dava certo. Hoje ele ostenta em sua estante três Oscars de melhor diretor. Quem não se lembra dos sucessos "O Tigre e o Dragão", "As Aventuras de Pi", e "O Segredo de Brokeback Mountain"?

18. Jay-Z

Quando jovem, Jay-Z não conseguia assinar contrato com nenhuma gravadora. Com o passar dos anos, Jaz-Z aperfeiçou seus letras, suas referências e sua voz. Para promover seu primeiro disco, ele e os amigos venderam unidades do CD no porta-mala de seu carro ao lado de uma loja de hot-dogs em Manhattan. O esforço valeu a pena. Hoje, o músico é um mega investidor e um poderoso empreendedor, com uma fortuna avaliada em US$ 610 milhões.

+ Como ter sucesso na carreira? Veja o que fazer para os negócios prosperarem

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.