Tamanho do texto

Nos nove meses do ano, houve redução dessas despesas. De janeiro a setembro, essas despesas somaram US$ 10,480 bilhões

Agência Brasil

Em agosto, nessa comparação anual, os gastos aumentaram 2,3%, com registro de expansão
Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas
Em agosto, nessa comparação anual, os gastos aumentaram 2,3%, com registro de expansão

Os gastos de brasileiros no exterior cresceram pelo segundo mês seguinte, de acordo com os dados do Banco Central (BC), divulgados nesta terça-feira (25), em Brasília. Em setembro, as despesas chegaram a US$ 1,294 bilhão, com crescimento de 2,7% em relação ao igual mês de 2015 (US$ 1,260 bilhão).

+ Contas externas do Brasil têm déficit de US$ 465 milhões em setembro

Em agosto, nessa comparação anual, os gastos aumentaram 2,3%, com registro de expansão pela primeira vez desde janeiro de 2015.

Nos nove meses do ano, houve redução dessas despesas. De janeiro a setembro, essas despesas somaram US$ 10,480 bilhões, com queda de 25,88% em relação a igual período de 2015 (US$ 14,139 bilhões).

Conta tem déficit de US$ 851 milhões

As receitas de estrangeiros no Brasil ficaram em US$ 443 milhões em setembro, e em US$ 4,667 bilhões de janeiro a setembro.

+ Construção civil enfrenta pessimismo e setor desaquecido, aponta pesquisa da CNI

Com esses resultados de despesas e receitas, a conta de viagens fechou setembro com déficit de US$ 851 milhões, um aumento de 9,95% em relação igual mês de 2015. De janeiro a setembro, o déficit chegou a US$ 5,814 bilhões, aumento de 40,71% comparado ao mesmo período do ano passado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.