Estadão Conteúdo

undefined
iStock
O INPC mede a variação dos preços para as famílias com renda de um a cinco salários mínimos e chefiadas por assalariados

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) ficou em 0,47% em junho, após ter registrado alta de 0,98% em maio, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

LEIA TAMBÉM:  Feijão carioca e leite são responsáveis por 60% da inflação em junho

Com o resultado, o índice acumulou alta de 5,09% no decorrer do primeiro semestre. No acumulado em 12 meses, a taxa ficou em 9 49%. Em junho de 2015, o INPC tinha sido de 0,77%. Este índice mede a variação dos preços para as famílias com renda de um a cinco salários mínimos e chefiadas por assalariados.

Construção

O Índice Nacional da Construção Civil (INCC/Sinapi), divulgado pelo IBGE, variou 1,02% em junho, após alta de 0,83% em maio. O índice acumulou alta de 4,60% no primeiro semestre. Em 12 meses encerrados em junho, a elevação ficou em 6,99%.

LEIA MAIS: Brexit vai prejudicar crescimento da zona do euro, alerta FMI

Segundo o IBGE, o custo nacional da construção alcançou R$ 1.007.75 por metro quadrado em junho, acima dos R$ 997,60 por metro quadrado estimados em maio. A parcela dos materiais variou 0,16% em junho, ante 0,17% em maio, enquanto o custo da mão de obra subiu 1,97% em junho, ante 1,58% do mês anterior.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários