Tamanho do texto

Barbosa informou que vai manter os compromissos com o ajuste fiscal e prometeu tomar “todas as medidas necessárias”

Agência Brasil

Neste domingo (20), ele se reniu com integrantes de sua equipe. Pela manhã, o primeiro encontro durou pouco mais de duas horas e ocorreu na sede do Ministério do Planejamento
Valter Campanato/ Agência Brasil - 28.9.15
Neste domingo (20), ele se reniu com integrantes de sua equipe. Pela manhã, o primeiro encontro durou pouco mais de duas horas e ocorreu na sede do Ministério do Planejamento

A presidente Dilma Rousseff dá posse nesta segunda-feira (21), às 17h, no Palácio do Planalto, ao novo ministro da Fazenda, Nelson Barbosa. Antes, às 9h30, Barbosa tem reunião com Alexandre Tombini, presidente do Banco Central, e às 12h participa de conferência por telefone com investidores nacionais e internacionais para tranquilizá-los sobre a sua gestão e o compromisso do governo com o ajuste fiscal.

Dilma dará posse aos novos ministros após voltar nesta tarde da Cúpula do Mercosul, realizada em Assunção (Paraguai). 

Depois do anúncio de que substituiria Joaquim Levy no comando da Fazenda, Barbosa informou que vai manter os compromissos com o ajuste fiscal e prometeu tomar “todas as medidas necessárias” para atingir a meta fiscal de 2016, de 0,5% do PIB (Produto Interno Bruto, soma de bens e serviços produzidos no país).

Neste domingo (20), ele se reniu com integrantes de sua equipe. Pela manhã, o primeiro encontro durou pouco mais de duas horas e ocorreu na sede do Ministério do Planejamento. A reunião de transição começou por volta de 11h e se prolongou por toda a tarde, com a presença de técnicos do ministério.

A Presidência da República não soube dizer se Levy participará da transmissão de cargo. Em janeiro, quando assumiu a pasta, seu antecessor Guido Mantega não compareceu à cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília.


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.