Tamanho do texto

Indústria tradicionalmente cresce no mês em relação a setembro; sondagem industrial foi feita com 2,4 mil empresas

A produção industrial voltou a apresentar queda em outubro, informou a Confederação Nacional da Indústria (CNI), que divulgou nesta segunda-feira (23) a pesquisa Sondagem Industrial.

Indústria não registrava queda na comparação mensal com setembro desde 2011, destaca CNI
Reuters
Indústria não registrava queda na comparação mensal com setembro desde 2011, destaca CNI

Os dados mostram que o índice de elevação de produção ficou em 44,6 pontos no mês passado. Os indicadores do estudo variam de 0 a 100 e valores abaixo de 50 indicam queda.

O indicador de elevação de produção não ficava abaixo de 50 pontos em um mês de outubro desde 2011, quando marcou 48,8 pontos. A CNI destacou que a queda ocorreu mesmo tratando-se de um mês em que a produção costuma crescer em relação a setembro.

Apesar do recuo, a produção industrial foi mais intensa do que em setembro deste ano, quando o indicador de elevação de produção ficou menor ainda, em 42 pontos. Em outubro de 2014, o índice teve um resultado melhor, ficando em 50,8 pontos.

No mês passado, a indústria operou, em média, com 66% de utilização da capacidade instalada, 7 pontos percentuais abaixo do resultado em outubro de 2014. Já o índice de evolução do número de empregados no setor ficou em 42,2 pontos, o que sinaliza diminuição no total de pessoas empregadas.

A Sondagem Industrial foi feita de 2 a 12 de novembro em 2,4 mil indústrias do país. Desse número, mil são pequenas, 870 médias e 536 são indústrias de grande porte.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.