Tamanho do texto

Fisco espera que ritmo de 34 mil inscrições por hora seja retomado no site do eSocial para que prazo seja cumprido

Mesmo com apenas 13% do total de emissão da guia dos tributos dos empregados domésticos, a Receita Federal informou nesta terça-feira (3) que não adiará o prazo de pagamento, estipulado para esta quinta-feira (5).

eSocial, portal da Receita Federal para cadastro de patrões e empregados domésticos
Reprodução - 2.10.15
eSocial, portal da Receita Federal para cadastro de patrões e empregados domésticos

Cerca de 1,13 milhão de patrões e 1,16 milhão de empregados domésticos já estão cadastrados no site do eSocial. A diferença, de acordo com o subsecretário de Fiscalização da Receita, Iágaro Jung Martins, fica por conta dos patrões que empregam mais de um funcionário doméstico.

Em coletiva de imprensa, o subsecretário do Fisco disse que espera que 134.740 guias foram emitidas até as 17h desta terça-feira. Ele espera que o sistema eSocial volte a operar no patamar das 11h, quando foram registradas 34 mil inscrições em uma hora. "Se mantivermos [esse ritmo], conseguiremos chegar na meta", disse ele, relembrando que a data limite para o pagamento é na sexta-feira (6).

O sistema vem passando por instabilidades desde o início (dia 1º) , o que se repetiu também nesta terça-feira, apesar de o problema já ter sido solucionado. A expectativa é de que até a manhã desta quarta-feira (4) o número de boletos emitidos chegue a 250 mil. "Vamos analisar [os números] e, ao meio dia de amanhã (4), vamos ver que decisões iremos tomar", afirmou Martins, acrescentando que há a possibilidade de ser adotado um plano de contingência.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.