Tamanho do texto

Enquanto Victoria Secret's mudou até slogan, marcas nacionais foram alvos de denúncias dos consumidores ao Conar

De marcas de sorvetes a lingeries, grandes nomes de empresas nacionais e internacionais não escaparam das polêmicas em volta de suas campanhas publicitárias em 2014.

A Victoria Secret's, em novembro deste ano, chegou a mudar o slogan de uma delas, depois de uma campanha virtual criada por mulheres na Grã-Bretanha. A marca mudou o nome da campanha publicitária, inicialmente intitulada "O Corpo Perfeito" (The Perfect Body, em inglês), para "O Corpo para Todas". As mulheres afirmavam que a mensagem do Corpo Perfeito seria prejudicial, pois não "celebra a incrível diversidade feminina mundial".

As marcas Do Bem e Diletto, de sucor orgânicos e picolés, respectivamente, foram alvos do Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) este ano. Uma matéria da revista Exame denunciou que as histórias contadas por elas não eram totalmente verdadeiras – os personagens em que se baseavam a publicidade das empresas não existem.

Veja estas e outras campanhas publicitárias que causaram polêmicas em 2014: