Tamanho do texto

Índice acionário encerrou a semana aos 57.788 pontos

Reuters

A Bovespa fechou em queda nesta sexta-feira, em sessão marcada por volume fraco e repercussão negativa da última pesquisa Datafolha, que reforçou um quadro incerto sobre a corrida presidencial a duas semanas da eleição.

Bovespa
Reuters
Bovespa

O Ibovespa encerrou em queda de 1%, a 57.788 pontos, após oscilar entre 57.513 pontos e 58.516 pontos. Na semana, o índice acumulou alta de 1,51%, reduzindo as perdas no mês a 5,71%.

Ajustes ligados ao rebalancemanto do índice FTSE para América Latina e também ao S&P ajudaram a melhorar o volume no final do pregão, e o giro do dia somou R$ 7,8 bilhões.

Leia mais:  Bancários rejeitam oferta salarial e ameaçam fazer greve no fim do mês

Até as 17h05, o volume estava em R$ 5,7 bilhões, bem abaixo da média diária de setembro, de R$ 8,7 bilhões.

A perda do fôlego de Wall Street, após abertura em alta, em sessão marcada pela estreia da gigante chinesa de comércio eletrônico Alibaba na bolsa de Nova York, eliminou um dos suportes do pregão no Brasil.

Os mais recentes levantamentos eleitorais têm mostrado um quadro incerto para o pleito de outubro.

As ações das estatais Petrobras , Eletrobras e Banco do Brasil, bem como de papéis de bancos privados, recuaram nesta sessão, refletindo o resultado do Datafolha.

Análise técnica da Itaú Corretora divulgada no início do dia disse que o rumo do Ibovespa continua indefinido no curto prazo.

Outra pressão negativa veio dos papéis de Vale. O preço do minério de ferro para entrega imediata na China registrou nova mínima de cinco anos, em meio ao excesso de oferta e fraca demanda por aço no país.

No noticiário corporativo, o grupo francês de mídia Vivendi concluiu um acordo para vender seu negócio brasileiro de banda larga GVT para a espanhola Telefónica por cerca de 7,2 bilhões euros (US$ 9,29 bilhões) em dinheiro e ações. A Telefónica planeja incorporar a GVT à Telefônica Brasil.

O rebalanceamento do índice FTSE para América Latina nesta sexta-feira incluiu a saída dos papéis ordinários do Itaú Unibanco e dos preferenciais da Klabin, e a entrada de Estácio, Qualicorp, Via Varejo e das units da Klabin e da B2W.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.