Tamanho do texto

Além da forte desaceleração na geração de postos de trabalho, mais norte-americanos desistiram de procurar um emprego

A criação de vagas nos Estados Unidos teve forte desaceleração em agosto e mais norte-americanos desistiram de procurar empregos, dando mais razões para que um cauteloso Federal Reserve (Fed), banco central dos EUA, aguarde mais tempo antes de elevar as taxas de juros.

A criação de vagas fora do setor agrícola chegou a 142 mil no mês passado, a menor em oito meses, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira (5). A taxa de desemprego caiu 0,1 ponto percentual, para 6,1%, uma vez que as pessoas saíram da força de trabalho.

Economistas projetavam criação de 225 mil vagas em agosto e que a taxa de desemprego cairia para 6,1%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.