Tamanho do texto

Compra mensal de títulos volta a ser reduzida e projeção de crescimento da economia cai de 2,9% para 2,3%, na máxima

Reuters

O Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, anunciou nesta quarta-feira (18) um novo corte no programa de compra mensal de ativos para US$ 35 bilhões de dólares ao mês, ante US$ 45 bilhões, divididos entre US$ 20 bilhões em títulos da dívida pública e US$ 15 bilhões em dívida lastreada em hipotecas.

Com isso, o Fed dá continidade aos planos de encerrar o programa de estímulo até o fim do ano, como era amplamente esperado.

O banco central também reduziu nesta quarta-feira sua projeção de crescimento econômico da maior economia do mundo neste ano, mas expressou confiança de que a recuperação continua em andamento, o que permitirá que comece a elevar as taxas de juros em 2015.

O Fed projetou crescimento de entre 2,1% e 2,3% em 2014, ante estimativa anterior de cerca de 2,9%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.