Tamanho do texto

Objetivo é concentrar investimento no negócio principal da rede, reduzindo ativos imobiliários

Reuters

Segundo comunicado do Magazine Luiza, 90% do valor foi pago nesta quinta-feira (27)
Getty Images
Segundo comunicado do Magazine Luiza, 90% do valor foi pago nesta quinta-feira (27)

A rede varejista Magazine Luiza firmou contrato para venda de participação de 76,7% que detém num centro de distribuição em Louveira, no interior de São Paulo, para um fundo imobiliário da Kinea, grupo de investimentos do Itaú Unibanco, por R$ 205,5 milhões.

-Veja também: Magazine Luiza tem lucro líquido de R$ 800 mil no 1º trimestre

Segundo comunicado do Magazine Luiza, 90% do valor foi pago nesta quinta-feira (27) e os 10% restantes ficarão retidos numa conta vinculada até o cumprimento de certas condições.

A varejista informou ainda que seguirá usando o centro de distribuição, por meio de contrato de locação por dez anos, renovável por demais períodos.

"O principal objetivo do Magazine Luiza com essa transação é concentrar investimentos no negócio principal, varejo de lojas físicas, virtuais e o e-commerce, reduzindo ativos imobiliários", disse a empresa, que manterá participação de 23,3% no centro de distribuição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.