Tamanho do texto

O ritmo de crescimento sugere que a zona do euro continuou a ser a parte mais fraca da economia global, impedindo a retomada mais rápida da atividade

Agência Estado

O volume do comércio mundial subiu em abril após dois meses seguidos de declínio, em um reflexo de crescimento modesto no crescimento econômico global. Em seu relatório mensal, o Escritório para Análise de Política Econômica da Holanda, também conhecido como CPB, afirmou que os volumes comerciais avançaram 1,4% em abril, depois de uma queda de 0,1% em março.

O ritmo de crescimento do comércio mundial sugere que a zona do euro continuou a ser a parte mais fraca da economia global, impedindo a retomada mais rápida da atividade. As exportações dos 17 países que usam o euro caíram 1,0%, enquanto as importações recuaram 0,3%. As exportações dos EUA subiram 2%, enquanto as importações da maior economia do mundo aumentaram 3,5%. As exportações das economias em desenvolvimento subiram 1,7%, enquanto as importações declinaram 2,1%.

Os números do CPB são amplamente observados por formuladores de políticas públicas, incluindo vários bancos centrais, porque representam a primeira medida disponível do comercio global.<p><p>A Organização Mundial do Comércio (OMC) prevê que os fluxos de comércio mundial subirão 3,3% neste ano, uma recuperação do aumento de 2,0% registrado em 2012, mas bem abaixo da alta de 5,2% registrada em 2011. Fonte: Dow Jones Newswires.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.