Tamanho do texto

Em São Paulo, as cotações recuaram 1,22% na semana e 5,03% no acumulado do mês

Agência Estado

No mês, os preços do etanol subiram mais em Mato Grosso (3,89%) e caíram mais no Paraná (-6,64%)
Divulgação Unica
No mês, os preços do etanol subiram mais em Mato Grosso (3,89%) e caíram mais no Paraná (-6,64%)

Os preços do etanol hidratado nos postos brasileiros caíram em 18 Estados, subiram em outros sete e permaneceram estáveis no Amapá e no Distrito Federal na semana encerrada no último dia 22, de acordo com dados coletados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

No período de um mês, os preços do etanol caíram em 19 Estados e no Distrito Federal e subiram em outros sete.

-Veja também: vantagem de abastecer com etanol é a maior em dois anos, segundo Fipe

Em São Paulo, principal Estado consumidor, as cotações recuaram 1,22% na semana (R$ 1,776 o litro). No período de um mês, acumulam queda de 5,03%.

A maior alta semanal foi no Maranhão (0,92%), enquanto a maior queda, no Espírito Santo (-1,74%). No mês, os preços subiram mais em Mato Grosso (3,89%) e caíram mais no Paraná (-6,64%).

No Brasil, o preço mínimo para o etanol foi de R$ 1,35 o litro, no Estado de São Paulo. O preço máximo foi de R$ 3,16 por litro, no Pará. Na média, o menor preço indicou R$ 1,776 o litro, em São Paulo. O maior preço médio foi verificado em Roraima, a R$ 2,758 o litro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.