Tamanho do texto

Movimento desacelerado do varejo é compatível com o desempenho do PIB

Agência Estado

As vendas a prazo na cidade de São Paulo registraram alta de 1,3% em maio na comparação com o mesmo mês de 2012, apontam dados do Indicador de Movimento do Comércio (IMC) da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

-Veja também: comércio virtual deve movimentar R$ 1 bilhão com o Dia dos Namorados

"O movimento do varejo é compatível com o desempenho do PIB (Produto Interno Bruto). Considerando a manutenção do emprego do consumidor, espera-se alguma reação ao longo do segundo semestre", disse, em nota, o presidente da entidade, Rogério Amato.

O Indicador de Registro de Inadimplentes (IRI) apresentou alta de 1,5% em maio, ante o mesmo mês de 2012
ig
O Indicador de Registro de Inadimplentes (IRI) apresentou alta de 1,5% em maio, ante o mesmo mês de 2012

Na mesma base de comparação, o Indicador de Consultas de Cheque (ICH) —vendas à vista— apresentou estabilidade, de acordo com a ACSP, baseada em amostra de dados de clientes da Boa Vista Serviços, que administra o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC).

O Indicador de Registro de Inadimplentes (IRI) apresentou alta de 1,5% em maio, na comparação com o mesmo mês de 2012. O Indicador de Recuperação de Crédito (IRC) também registrou avanço, de 4,5%.

"Em síntese, esses dados sugerem leve tendência de queda na inadimplência e apontam que o consumidor está priorizando o pagamento de compras já assumidas a fazer novas compras", diz nota da ACSP.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.