Tamanho do texto

Presidente Dilma Rousseff nomeou para assumir interinamente a função o atual secretário executivo adjunto da Fazenda, Dyogo Henrique de Oliveira

Agência Estado

Nelson Barbosa, ex-secretário executivo do Ministério da Fazenda
Agência Brasil
Nelson Barbosa, ex-secretário executivo do Ministério da Fazenda

A presidente Dilma Rousseff exonerou, por meio de decreto, Nelson Henrique Barbosa Filho do cargo de secretário executivo do Ministério da Fazenda. De acordo com o documento, Nelson Barbosa está oficialmente fora do cargo desde o dia 1º de junho. Em outro ato, a presidente nomeou para assumir interinamente a função o atual secretário executivo adjunto da Fazenda, Dyogo Henrique de Oliveira.

Veja também: Saída de Nelson Barbosa foi acertada com Mantega há dois meses

A saída de Nelson Barbosa foi anunciada formalmente pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, em nota divulgada no dia 13 de maio. Segundo a nota, Barbosa pediu exoneração por razões pessoais. Na ocasião, o Ministério avisou que "oportunamente o ministro Mantega definirá o nome do novo secretário executivo". Mantega se reunirá, nesta segunda-feira, 3, com Dyogo de Oliveira, já como secretário executivo interino, segundo informa agenda divulgada pela assessoria do Ministério.

Veja mais: Com saída de Barbosa, Mantega perde seu mais importante colaborador

Nelson Barbosa estava no governo desde 2003 e fez parte das equipes do ministro Guido Mantega desde sua gestão no Ministério do Planejamento. Na Fazenda, ocupou as secretarias de Acompanhamento Econômico (2007/2008) e de Política Econômica (2008/2010), antes de ser levado por Mantega ao posto de secretário executivo, sucedendo Nelson Machado, em 2011.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.