Tamanho do texto

A previsão do mercado era de um crescimento de 2,1% na comparação com o mesmo mês em 2011

Agência Estado

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da China subiu 2,0% em novembro na comparação com o mesmo mês em 2011, de acordo com dados divulgados pelo Escritório Nacional de Estatísticas. A previsão do mercado era de um crescimento de 2,1%. Em outubro, o indicador havia crescido 1,7%. O CPI aumentou 0,1% em novembro ante outubro, depois de cair 0,1% naquele mês em relação a setembro.

Veja também:  Economia chinesa pode crescer 8,2% em 2013, diz instituto do país

Este foi um dos cinco indicadores econômicos do país divulgados neste domingo. A produção industrial de valor agregado cresceu 10,1% em novembro na comparação com o mesmo mês do ano passado, acima da previsão dos economistas consultados pela Dow Jones, que era de avanço de 9,8%. O índice de preços ao produtor (PPI), por sua vez, caiu 2,2% em novembro ante novembro de 2011. As expectativas do mercado eram de queda de 2,0%.

Veja também:  Índice do setor industrial da China mostra retomada do crescimento

As vendas no varejo da China cresceram 14,9% em novembro, depois de subirem 14,5% em outubro ante outubro de 2011. Por fim, os investimentos em ativos fixos em áreas não rurais da China subiram 20,7% no período de janeiro a novembro deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. O dado, que é um indicador da atividade de construção, ficou levemente abaixo da previsão do mercado, que esperava alta de 20,8%. O resultado permaneceu igual ao avanço de 20,7% registrado no período de janeiro a outubro. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.