Tamanho do texto

Segundo o ministro da Fazenda, Guido Mantega, intenção do governo é continuar estimulando os investimentos

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta quarta-feira a extensão do Programa de Sustentação do Investimento (PSI) para 2013. "Novo, não, porque não tinha. O atual vence em 2012 e vamos apresentar o PSI para 2013 com suas taxas e condições", disse.

Serão destinados R$100 bilhões para o Programa em 2013. Do volume de recursos, cerca de R$85 bilhões virão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) e o restante via sistema.

Mantega anuncia redução da TJLP de 5,5% para 5% em janeiro

O ministro lembrou que o PSI começou a ser praticado em 2009. "É o melhor instrumento para financiar investimento que já tivemos no Brasil, com taxas reduzidas e prazos elevados", argumentou.

Segundo o ministro, a intenção é continuar estimulando os investimentos. "Os investimentos têm que crescer mais de 8% para que possamos ter crescimento do PIB mais vigoroso. E temos que reduzir o custo de investimento para as empresas", disse.

Em função disso, segundo Mantega, foi talhado um novo PSI, que vai vigorar o ano que vem inteiro. (Com agências)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.