Tamanho do texto

Total de pessoas que procuraram credores para pagar dívidas em atraso chegou a 16 milhões de janeiro a outubro deste ano, alta de 16,3% em relação a 2011

Agência Estado

O número de brasileiros que procuraram os credores para pagar dívidas em atraso chegou a 16 milhões de janeiro a outubro deste ano, alta de 16,3% em relação ao mesmo período do ano passado e recorde desde 2006, quando a Serasa Experian começou a divulgar esse dado.

Já o total de pessoas que passaram a fazer parte da base de inadimplentes no período - 21,5 milhões - subiu menos: 9,5%.

O presidente da Serasa Experian e da Experian América Latina, Ricardo Loureiro, disse que "o bom momento vivido pelo mercado de trabalho no País, com as taxas de desemprego em patamares baixos e ganhos salariais acima da inflação, está motivando as pessoas a quitar as dívidas".


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.