Tamanho do texto

Usuários reclamaram nas redes sociais; solução foi comprar diretamente nos sites das lojas

O site do Busca Descontos, principal organizador do Black Friday virtual brasileiro , saiu do ar pouco antes da virada de quinta para sexta-feira, quando as promoções do evento deveriam começar a valer (veja na captura de tela abaixo). Após a meia-noite, os problemas persistiam, provavelmente devido ao grande número de usuários que tentavam aproveitar as ofertas antes que as melhores se esgotassem. Lentidão e um "bug" que fazia a página pedir seguidas vezes a senha, mas não concluia o login, impedia a navegação.

Veja abaixo:

Site fora do ar, pouco antes da meia-noite: reclamações já aparecem nas redes sociais
Reprodução
Site fora do ar, pouco antes da meia-noite: reclamações já aparecem nas redes sociais

Nas redes sociais, como Twitter e Facebook, diversos usuários reclamavam nos perfis do Busca Desconto. "Já passou da hora e não funciona", "piada", "o site nem abre" eram algumas queixas que podiam ser lidas. Mais de quinze minutos após a meia-noite, o site saiu totalmente do ar outra vez, fazendo multiplicar as queixas de usuários que ficaram acordados para fazer compras. 

- Veja: Black Friday promete descontos de até 90%

A solução era entrar diretamente nas páginas das varejistas que participam do Black Friday, já que o Busca Descontos, apesar de organizador do evento, na prática é apenas um agregador dessas ofertas. Os sites do Submarino, Extra e Americanas.com funcionavam bem após a meia-noite e anunciavam descontos de até 80% (caso da Americanas). 

- Mais: as melhores ofertas de tecnologia do Black Friday

Alguns sites de varejo, porém, também tiveram problemas nos primeiros minutos da sexta-feira. O do Magazine Luiza chegou a ficar fora do ar, mas voltou em pouco tempo. Os da Saraiva, Walmart e Chevrolet também ficaram sem funcionar no horário.

O Dark Friday, um site que prometia oferecer apenas "ofertas de verdade" do Black Friday, ou seja, produtos que não tiveram preços inflacionados nos últimos dias para serem anunciados com falsos descontos na sexta-feira, também estava fora do ar após a meia noite. O site voltou ao ar somente perto da 1h30 da madrugada.

Após a uma hora da manhã de sexta-feira, a página principal do Busca Descontos voltou a funcionar, mas de forma instável. Ainda era impossível, contudo, clicar em qualquer promoção anunciada na página, já que os links levavam para "páginas de erro". O serviço só se normalizou perto das duas horas da madrugada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.