Tamanho do texto

Esta decisão do governo americano exclui, no entanto, as pedras preciosas, indicaram o Tesouro e o Departamento de Estado em um comunicado conjunto

Os Estados Unidos levantaram na sexta-feira o embargo às importações birmanesas, vigente há quase dez anos, com a finalidade de incentivar as reformas econômicas neste país poucos dias antes de uma histórica visita do presidente Barack Obama a Yangun.

Esta decisão do governo americano exclui, no entanto, as pedras preciosas, indicaram o Tesouro e o Departamento de Estado em um comunicado conjunto.

Sua finalidade "consiste em apoiar os esforços de reformas atuais do governo birmanês e promover mais mudanças, assim como oferecer novas oportunidades para as empresas birmanesas e norte-americanas", acrescenta o texto.

Artista Arkar Kyaw grafita parede para receber Obama, que visita Mianmar na próxima segunda-feira
AFP PHOTO
Artista Arkar Kyaw grafita parede para receber Obama, que visita Mianmar na próxima segunda-feira

Este anúncio foi realizado antes da visita de Obama a Yangun, prevista para a próxima segunda-feira, que o converterá no primeiro presidente americano em exercício a visitar Mianmar.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.