Tamanho do texto

Limite de crédito para segmento, nos estados onde haverá jogos, chega a R$ 850 milhões

EFE

São Paulo, 29 out (EFE).- O Governo federal ampliou até R$ 850 milhões os limite para operações de crédito para o setor energético nos estados onde serão disputadas partidas da Copa do Mundo de 2014, informou nesta segunda-feira o Ministério da Fazenda.

O crédito inicial concedido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) era de R$ 350 milhões. O montante é destinado a obras de investimento em geração, transmissão e distribuição de energia.

Segundo comunicado do Ministério, a ampliação do crédito foi aprovada pelo Conselho Monetário Nacional e oficializada na sexta-feira passada no Diário Oficial da União.

Nos últimos dias, o país passou por diversos problemas de fornecimento energético e, com isso, o Governo admitiu a necessidade de melhorar o sistema para a Copa do Mundo, que acontecerá em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Porto Alegre, Belo Horizonte, Fortaleza, Recife, Manaus, Curitiba, Cuiabá, Natal e Brasília. 

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.