Tamanho do texto

Indicador que mede o fluxo de produtos, serviços e investimentos quem entram e saem dos EUA encolheu para US$117,4 bilhões; déficit equivale a 3% do PIB e foi o menor desde o terceiro trimestre de 2011

Reuters

O déficit da conta corrente dos Estados Unidos encolheu mais que o previsto no segundo trimestre, ao passo que o país importou menos produtos enquanto a renda recebida sobre ativos norte-americanos no exterior aumentou.

O déficit da conta corrente, que mede o fluxo de produtos, serviços e investimentos quem entram e saem dos Estados Unidos, encolheu para US$117,4 bilhões, informou nesta terça-feira o Departamento do Comércio.

O déficit foi equivalente a 3% do Produto Interno Bruto (PIB) e foi o menor desde o terceiro trimestre de 2011.

Analistas consultados pela Reuters esperavam que o déficit da conta corrente diminuísse para US$125,5 bilhões.