Tamanho do texto

Para especialistas, governo adotou uma nova postura, mais flexível sobre a atuação de companhias privadas em projetos de longo prazo

Agência Estado

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, ressaltou que as parcerias público privadas (PPP) são um mecanismo muito oportuno para alavancar os investimentos em infraestrutura no Brasil.

Poupança deve financiar investimentos, avalia Coutinho

Para muitos especialistas, o governo da presidente Dilma Rousseff adotou uma nova postura a partir de 15 de agosto, mais flexível sobre a atuação de companhias privadas em projetos de longo prazo, ao anunciar um programa de concessões públicas de rodovias e ferrovias.

"Temos que reforçar e melhorar as PPPs", destacou Coutinho. "Temos também uma agenda para a melhoria dos fundos garantidores. Além disso, o governo tem como prioridade reduzir a tributação sobre o investimento", apontou.

Ele fez os comentários no encerramento do fórum "Brasil Competitivo: Os nós da infraestrutura", organizado pela Agência Estado em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo.