Tamanho do texto

Bryson estava em licença médica desde o dia 11, depois que, aparentemente, sofreu um colapso quando dirigia seu veículo e provocou duas batidas

EFE

John Bryson alegou problemas de saúde para renunciar ao cargo
Getty Images
John Bryson alegou problemas de saúde para renunciar ao cargo

O secretário de Comércio dos Estados Unidos, John Bryson, apresentou nesta quinta-feira sua carta de renúncia, dez dias após provocar dois acidentes de trânsito, ainda inexplicados, na Califórnia. "Cheguei à conclusão de que tenho que renunciar para impedir distrações da missão crítica deste Departamento", escreveu Bryson em sua carta ao presidente Barack Obama.

Bryson estava em licença médica desde 11 de junho, depois que, aparentemente, sofreu um colapso quando dirigia seu veículo e provocou duas batidas. O ministro afirmou, em sua carta, que se sentia honrado por ter participado do "progresso" para "as empresas e os trabalhadores dos Estados Unidos". A subsecretária Rebeca Blank assumirá a pasta interinamente, assim como já o fez no ano passado. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.