Tamanho do texto

Em outro dado divulgado hoje no país, as vendas no varejo tiveram alta em maio, informou Instituto Nacional de Estatísticas britânico

As expectativas dos empresários da indústria do Reino Unido melhoraram em junho, ajudadas pelo aumento das encomendas domésticas e estrangeiras. Em outro dado divulgado hoje no país, as vendas no varejo tiveram alta em maio.

LeiaDesemprego cai para 8,2% no Reino Unido

De acordo com a Confederação da Indústria Britânica (CBI, na sigla em inglês), a diferença entre o percentual de empresários que preveem aumento da produção no próximo mês e o daqueles que projetam queda aumentou de -3 em maio para +7 em junho. O subíndice para encomendas totais melhorou de -17 para -11, e o de encomendas para exportação passou de -12 para -4. A pesquisa ouviu 459 empresários entre os dias 23 de maio e 13 de junho.

TambémPreços ao consumidor caem 0,1% em maio no Reino Unido

Também nesta quinta-feira, o Instituto Nacional de Estatísticas britânico (ONS, na sigla em inglês) informou que as vendas no varejo cresceram 1,4% em maio na comparação com abril e 2,4% ante maio do ano passado. Os resultados superaram as previsões de analistas, que eram de aumentos de 0,8% na comparação mensal e de 1,7% na anual. Os dados de abril, por sua vez, foram revisados para quedas de 2,4% ante março e de 1,1% na comparação com abril do ano passado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.