Tamanho do texto

Na comparação com o mês imediatamente anterior, as vendas no varejo seguem positivas desde agosto do ano passado, indica Instituto

A tendência para as vendas no varejo em 2012 é de crescimento gradual, a taxas menores do que as verificadas em 2011, na avaliação de Reinaldo Pereira, gerente da Coordenação de Serviços e Comércio do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

LeiaPreço de alimentos derruba vendas em supermercados, diz IBGE

"Olhando as informações da pesquisa, a gente vê uma linha ascendente, principalmente nesse ano de 2012. Com taxas menores do que o varejo cresceu no ano passado, mas positivas. Está crescendo, mas gradualmente", disse Pereira. Na comparação com o mês imediatamente anterior, as vendas no varejo seguem positivas desde agosto do ano passado, quando caíram 0,4%. No entanto, na comparação com o mesmo período do ano anterior, o volume de vendas (6,0%) teve o resultado mais fraco para o mês de abril desde 2005, quando cresceu 3,4%.

MaisVendas do varejo sobem 0,8% em abril, segundo IBGE

"Há interesse do governo em que o país cresça igual ou mais do que no ano passado, que não é o que vêm mostrando os resultados dos últimos indicadores. A economia vem com uma tendência de crescer menos do que no ano passado, e isso não interessa ao governo, então ele vem tomando medidas para estimular o mercado interno", lembrou Pereira. "Mas o impacto dessas políticas agora é bem menor do que aconteceu da primeira vez", disse Aleciana Gusmão, técnica da pesquisa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.