Tamanho do texto

Tanto para os custos quanto para as remunerações, o resultado dos três primeiros meses do ano marca a menor alta desde o quarto trimestre de 2010

O custo total da mão de obra da zona do euro subiu 2% no primeiro trimestre na comparação com igual período do ano passado, de acordo com informações divulgadas hoje pela agência de estatísticas Eurostat. No quarto trimestre de 2011, foi registrada alta de 2,8%.

VejaRecuo do petróleo ajuda a aliviar inflação na zona do euro

Os dois principais componentes dos custos trabalhistas são salários e remunerações, além de custos não salariais. Ambos apresentaram alta de 2% nos três primeiros meses do ano, comparadas às altas de 2,6% e 3,5%, respectivamente, reportadas no quarto trimestre de 2011. Tanto para os custos quanto para as remunerações, o resultado do primeiro trimestre marca a menor alta desde o quarto trimestre de 2010.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.