Tamanho do texto

Nos 15 primeiros dias deste mês, foram emplacadas 61.440 motos, 25,8% a menos do que na primeira quinzena de março

As vendas de motocicletas no país mantiveram o ritmo de queda em abril e recuaram 27,4% na primeira quinzena do mês, em comparação com igual intervalo de 2011, segundo dados divulgados hoje pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo).

Leia também: Vendas de motocicletas caem 7% no primeiro trimestre

Nos 15 primeiros dias deste mês, conforme a entidade, foram emplacadas 61.440 motos. Frente ao número de emplacamentos da primeira quinzena de março deste ano, a queda foi de 25,8%. Conforme a Abraciclo, se consideradas as vendas por dia útil, o recuo no número de emplacamentos foi de 9,6% - 6.827 unidades diárias na primeira metade deste mês, ante 7.531 unidades diárias na primeira quinzena de março.

Em nota, o diretor-executivo da Abraciclo, José Eduardo Gonçalves, afirma que os "dados refletem os efeitos das medidas de restrição ao crédito" na indústria de duas rodas. "Não houve uma queda na intenção de compra, mas sim maior dificuldade do consumidor na aprovação de financiamentos", pondera.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.