A estatal boliviana YPFB (Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos) disse hoje que foi restabelecido o fornecimento de gás ao Brasil. O presidente da empresa, Santos Ramírez, também afirmou que o fornecimento de gás para a Argentina ainda enfrenta dificuldades.

"Estão regularizados os volumes de exportação para o Brasil. Onde ainda temos dificuldades é para a Argentina. Recuperamos 1,2 milhões para esse país", disse Ramírez à Agência Boliviana de Informação (ABI). Segundo o presidente da YPFB, a empresa já está fornecendo 30 milhões de metros cúbicos de gás para o Brasil, enquanto a média normal é de 31 milhões de metros cúbicos. No caso da Argentina, a média normal varia entre 1,8 milhão e 3,2 milhões de metros cúbicos por dia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.