Tamanho do texto

As sólidas bases da economia americana permitirão que esta se recupera após a crise financeira, previu nesta quarta-feira o Fórum Econômico Mundial (WEF).

"Apesar da crise financeira, os Estados Unidos continuam sendo a economia mais competitiva do mundo", afirma o relatório 2008-2009 do WEF, que coloca Washington na liderança de sua classificação, apesar do momento de pânico nos mercados.

"Os Estados Unidos estão dotados de características estruturais que fazem com que sua economia seja extremamente produtiva, com uma base sólida, para sobreviver as mudanças cíclicas e os choques macroeconômicos", acrescentou o WEF.

O WEF organiza anualmente o Fórum de Davos.

ama/fp