Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Washington Post: Obama pode ter que aumentar fundos de resgate financeiro

É possível que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, precise pedir mais dinheiro para ajudar o sistema financeiro, além dos 700 bilhões de dólares já liberados pelo Congresso, estimou neste sábado o Washington Post, citando opiniões de parlamentares e economistas.

AFP |

Com os bancos aparentemente incapazes de conter as bilionárias perdas com créditos hipotecários e outros ativos podres, o fundo criado para frear a depressão financeira poderia necessitar de uma nova injeção de dinheiro, alerta o Post.

"Não creio que muitas pessoas que coordenam o Tesouro e o Fed (Federal Reserve, o banco central americano) acreditem que este será o último dinheiro que será preciso desembolsar", estimou o deputado Barney Frank, veterano democrata, atual diretor da Comissão Nacional de Serviços Financeiros.

O custo total do resgate pode mesmo superar a casa dos bilhões de dólares, especula o jornal.

O Congresso já garantiu 700 bilhões de dólares para evitar o colapso do sistema financeiro, tendo aprovado a liberação da segunda parte do dinheiro poucos dias antes da posse de Barack Obama.

O presidente americano prometeu ainda destinar 50 bilhões de dólares para evitar que os proprietários de imóveis sejam despejados. Renomados economistas, porém, advertiram senadores democratas de que o custo desta iniciativa poderia chegar a 250 bilhões de dólares, durante um encontro na última quinta-feira, indica o Post.

Além do plano de resgate financeiro, Obama propôs um pacote de estímulo de 825 bilhões de dólares para ajudar a criar empregos e melhorar a infra-estrutura do país.

ddl/ap

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG