SÃO PAULO - Os participantes em Wall Street receberam bem a notícia de socorro ao Citigroup pelo governo americano anunciada ontem. Entre as medidas acordadas, está a injeção de US$ 20 bilhões na instituição pelo Tesouro dos Estados Unidos.

Além disso, a secretaria do Tesouro e o Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC) irão garantir mais de US$ 300 bilhões em ativos com problemas do Citigroup.

Em troca da última intervenção, o governo receberá ações preferenciais do Citigroup e garantias, ou direitos de compra, para adquirir ações do banco no futuro.

Minutos atrás, o Dow Jones aumentava 0,80%, aos 8.111,18 pontos. O S & P 500 tinha elevação de 1,10%, aos 808,86 pontos. O Nasdaq subia 1% e chegava a 1.398,14 pontos.

Os papéis do Citigroup registravam valorização de mais de 50%.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.