A Bolsa de Nova York fechou em forte baixa nesta quinta-feira, abalada pelas dificuldades do conglomerado General Electric (GE) e pela queda dos preços do petróleo: o Dow Jones perdeu 2,49% e o Nasdaq, 1,71%.

Segundo os números definitivos de fechamento, o Dow Jones Industrial Average (DJIA) recuou 219,35 pontos, fechando a 8.604,99 unidades, e o Nasdaq caiu 26,94 pontos, a 1.552,37.

O índice ampliado Standard & Poor's 500 recuou 2,11% (19,07 pontos), fechando em 885,35 pontos.

Wall Street sofreu um duro golpe quando a agência de classificação Standard & Poor's (SP) abaixou a perspectiva da nota da GE, destacaram os especialistas do site de análise financeira Briefing.com.

O anúncio abalou profundamente o mercado porque a GE, que trabalha com setores de atividade tão diversos como mídia e energia, é considerada um indicador da saúde das empresas americanas.

O título da GE caiu 8,22%, para 15,96 dólares.

Além disso, a queda dos preços do petróleo, cujo barril ficou abaixo de 36 dólares pela primeira vez desde 2004, "pesaram nos indicadores", afirmou Peter Cardillo, da Avalon Partners.

O mercado de obrigações continuou em alta nesta quinta-feira. O rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos caiu a 2,074%, contra 2,190% na quarta-feira. Os papéis a 30 anos fecharam a 2,546%, contra 2,665% na véspera.

gmo/yw/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.