Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street fecha em alta graças à GMAC

A Bolsa de Nova York fechou em forte alta nesta terça-feira, graças à ajuda concedida pelo Tesouro americano ao grupo de serviços financeiros GMAC, e apesar de índices ruins: o Dow Jones ganhou 2,13% e o Nasdaq, 2,67%.

AFP |

De acordo com os números definitivos, o Dow Jones Industrial Average (DJIA) subiu 181,12 pontos, fechando a 8.665,05 unidades, e o Nasdaq ganhou 40,38 pontos, a 1.550,70 unidades.

O índice ampliado Standard & Poor's 500 avançou 2,44% (21,22 pontos), fechando a 890,64.

A atividade foi fraca nesta terça-feira em Wall Street, na penúltima sessão de 2008.

O mercado se manteve em alta durante todo o pregão, alentado pela intervenção do Tesouro para resgatar a GMAC, controlada pela General Motors e pelo fundo Cerberus (proprietário da Chrysler).

"Isso talvez permita à GM voltar a oferecer crédito", declarou Gregori Volokhin, da Meeschaert New York.

O Tesouro americano anunciou um pacote de seis bilhões de dólares para salvar o grupo de serviços financeiros, baseado principalmente numa recapitalização pelo Estado de um valor de cinco bilhões de dólares.

Um empréstimo de um bilhão de dólares também foi concedido à GM para permitir à montadora americana participar da operação de recapitalização.

O título da GM, para a qual uma falência da GMAC seria catastrófica, ganhou 5,56%, fechando a 3,80 dólares.

Além disso, o mercado resistiu a uma série de indicadores econômicos ruins, um fato qualificado por Volokhin de "tranqüilizador".

O mercado de obrigações fechou em alta e se mantém a níveis muito elevados. O rendimento do bônus do Tesouro a 10 anos recuou para 2,087%, contra 2,096% na noite de segunda-feira, e o dos bônus a 30 anos retrocedeu para 2,583%, contra 2,611% na véspera.

mla/yw/LR

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG