SÃO PAULO - Wall Street encerrou a sessão desta quinta-feira em alta, com destaque novamente para o índice Dow Jones, que ultrapassou a marca psicológica dos 11 mil pontos. Um dos fatores de ânimo é a repercussão da decisão de ontem dos ministros das Finanças europeus sobre a contribuição de 30 bilhões de euros para aliviar os problemas da dívida da Grécia.

SÃO PAULO - Wall Street encerrou a sessão desta quinta-feira em alta, com destaque novamente para o índice Dow Jones, que ultrapassou a marca psicológica dos 11 mil pontos. Um dos fatores de ânimo é a repercussão da decisão de ontem dos ministros das Finanças europeus sobre a contribuição de 30 bilhões de euros para aliviar os problemas da dívida da Grécia. O Fundo Monetário Internacional (FMI) também participará da ajuda, com aporte de 10 bilhões de euros a 15 bilhões de euros. No âmbito corporativo, as ações da Palm chamaram atenção, com valorização de mais de 17%, depois das especulações em torno de uma possível contratação de bancos para procurar compradores para a companhia. Na semana passada, circularam rumores de que a chinesa Lenovo e a taiwanesa HTC estariam interessadas na aquisição e prestes a fazer uma oferta pela empresa. Os investidores aguardaram ainda os resultados da Alcoa. Depois do encerramento das operações, a companhia anunciou prejuízo de US$ 201 milhões no primeiro trimestre. O índice Dow Jones fechou em alta de 0,08% aos 11.006 pontos. O Nasdaq ganhou 0,16%, aos 2.458 pontos. O S & P-500 subiu 0,18%, aos 1.196 pontos. (Vanessa Dezem | Valor com agências internacionais)
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.