Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street faz desabar Bolsas da Ásia; HK recua 3,4%

Os mercados asiáticos fecharam no campo negativo nesta quinta-feira. A forte queda em Wall Street, os números da economia norte-americana mais fracos do que o esperado e as preocupações sobre a piora da crise financeira mundial foram os principais fatores para a derrocada das bolsas da região.

Agência Estado |

O declínio nas ações dos peso pesado HSBC e China Mobile fez cair a Bolsa de Hong Kong. As perdas só não foram maiores por conta da presença de investidores em busca de ofertas de ocasião, que ajudaram a levantar o índice na sessão da tarde. Com fraco volume de negociações, o Hang Seng perdeu 461,65 pontos, ou 3,4%, e encerrou aos 13.242,96 pontos - com isso, já acumula perdas de 15% no ano.

A queda nas ações das companhias financeiras, no encalço de Wall Street, e a realização de lucros em papéis de siderúrgicas e de fabricantes de veículos fizeram a Bolsa de Xangai, na China, fechar em ligeiro declínio. Com moderado volume de negociações, o Xangai Composto caiu 0,5% e encerrou aos 1.920,21 pontos. Por sua vez, o Shenzhen Composto ganhou 0,3% e terminou aos 595,87 pontos.

A demanda por yuans por parte de empresas que vendem dólares, antes do feriado do Ano Novo Lunar, fez a unidade chinesa se valorizar em relação à moeda norte-americana, após a queda verificada no início da sessão. No mercado de balcão, às 4h30 (de Brasília), a cotação de compra e venda do dólar era de 6,8356 yuans, ligeiramente acima do fechamento de quarta-feira, que foi de 6,8352 yuans.

Já a Bolsa de Taipé, em Taiwan, fechou no menor nível em mais de cinco semanas. O Taiwan Weighted perdeu 4,4% e encerrou aos 4.320,77 pontos, no pior fechamento desde 8 de dezembro.

As perdas em ações sensíveis ao desempenho da economia causaram uma baixa de 6% no índice Kospi da Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, para 1.111,34 pontos. Foi o maior porcentual de queda desde 20 de novembro.

As mineradoras lideraram a queda da Bolsa de Sydney, na Austrália, onde o índice S&P/ASX 200 encerrou em baixa de 4,3%, aos 3.529,5 pontos.

Na Bolsa de Manila, nas Filipinas, o índice PSE declinou 1,5%, para 1.954,97 pontos. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG