Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street encerra a semana em queda

SÃO PAULO - Wall Street inverteu os consecutivos pregões em alta e encerrou sexta-feira com desvalorização. A sessão foi marcada por um clima de cautela, com temores com relação à possibilidade de aperto monetário nos países e fim dos estímulos econômicos.

Valor Online |

A Grécia, mais uma vez, marcou presença entre os fatores de pressão das negociações.

O mercado recebeu com pessimismo a notícia de que o banco central da Índia decidiu elevar as taxas de juros do país. O movimento não era esperado pelo mercado e refletiu a elevação da inflação na economia indiana.

O primeiro-ministro da Grécia, George Papandreou, também colaborou para o aumento da aversão ao risco, ao afirmar que o país está a um passo de não conseguir tomar empréstimos. Ele alertou que Atenas "está em guerra" com os especuladores nos mercados internacionais.

O índice Dow Jones encerrou o pregão com queda de 0,35%, aos 10.741,98 pontos. O S & P-500 recuou 0,51%, aos 1.159,90 pontos. O Nasdaq, por sua vez, perdeu 0,71%, aos 2.374,41 pontos.

(Vanessa Dezem | Valor com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG