Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street e Obama estimulam Bolsas asiáticas

Os principais mercados da Ásia seguiram o bom desempenho de Wall Street e fecharam em alta. A vitória do democrata Barack Obama, eleito presidente dos Estados Unidos, já era esperada pelos mercados e trouxe alguma confiança para os investidores.

Agência Estado |

Segundo analistas, a mudança política nos EUA pode dar estabilidade para as Bolsas. Esperanças de que haja um pacote de estímulos fiscais com a vitória eleitoral de Barack Obama levaram a Bolsa de Hong Kong a fechar em alta. O índice Hang Seng avançou 3,2% e fechou aos 14.840,16 pontos.

Também na China as expectativas de medidas para estimular a economia dos EUA, após a eleição de Obama, e a notícia de que Pequim pode investir trilhões de yuans em infra-estrutura levaram as Bolsas a fechar em forte alta, após três pregões consecutivos de queda. Com ativo volume de negociações, o índice Xangai Composto subiu 3,2% e encerrou aos 1.760,61 pontos. Já o Shenzhen Composto avançou 3% e terminou aos 470,86 pontos. Yuan - A desvalorização do dólar sobre o euro levou o yuan a fechar em alta em relação à unidade norte-americana. O câmbio chinês, contudo, permaneceu inalterado com a eleição de Obama como futuro presidente dos EUA. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,8282 yuans, de 6,8360 yuans do fechamento de terça-feira.

A Bolsa de Taipé fechou em queda pelo segundo pregão seguido, novamente por conta da realização de lucros. O índice Taiwan Weighted caiu 0,3% e encerrou aos 4.978,26 pontos. Já a Bolsa de Seul fechou em alta, por conta dos sinais de diminuição nos riscos financeiros globais. Os ganhos do início do pregão, contudo, foram contidos pela realização de lucros. O índice Kospi avançou 2,4% e fechou aos 1.181,50 pontos. Com moderado volume de negociações, o índice PSE Composto da Bolsa de Manila, nas Filipinas, subiu 0,2% e encerrou aos 2.006,21 pontos. O fortalecimento dos mercados externos, em particular de Wall Street, alavancou a Bolsa de Sydney, na Austrália. Com volume de negócios dentro da média, o índice S&P/ASX 200 avançou 2,9% e fechou aos 4.336,6 pontos.

A Bolsa de Cingapura teve alta. O índice Strait Times ganhou 1,9% e fechou aos 1.863,39 pontos. O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, subiu 0,3% e fechou aos 1.366,27 pontos. Na Tailândia, o índice SET da Bolsa de Bangcoc caiu 0,1% e fechou aos 457,36 pontos devido a realizações de lucros. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, subiu 1,1% e fechou aos 915,24 pontos, com o anúncio de um plano de estabilização de 7 bilhões de ringgits (cerca de US$ 2 bilhões), enquanto a vitória de Obama trouxe incertezas. As informações são da Dow Jones

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG